18a. Mostra do Filme Livre

"Nem tudo � quest�o de grandeza num�rica, nem na vida, nem em uma sele��o como a que se mostra abaixo. De 1 a 5, de 0 a 10, os filmes n�o est�o presentes ou ausentes nesta lista por uma quest�o de nota individual, seja ela grande ou pequena. Nenhum filme estaria aqui garantido apenas por si mesmo. Um filme � poss�vel em si mesmo? Existir, sem fazer la�o, � desej�vel? Esta lista, o coletivo, existe porque os filmes, de alguma forma se enredaram, entre si, em n�s - curadoria coletiva -, nas sess�es e espa�os que muitas vezes vemos que v�o se esgar�ando em seus limites, a depender dos filmes que nos chegam. Vamos nos construindo, de prefer�ncia juntos, a multid�o-filme-livre. S�o enlaces, diversos embates, muitas vozes. Um filme aqui est� porque se conjugou na primeira pessoa. Do plural. Mais do que nunca, os n�s devem ser mais fortes que os verbos centrados no eu. Estamos, claro, abertos ao gesto daquilo que pode irromper. Aos la�os com o real tamb�m nos lan�amos. Um grito, ainda que long�nquo e de timbre �nico, tamb�m vem de muitos enlaces. Para al�m da for�a (escala, n�mero) � o eco que deve nos trazer aqui." Curadoria Mostra do Filme Livre�

A MFL2019 teve 773 filmes inscritos! Destes, 134 tiveram algum apoio estatal e 254 foram realizados em escolas de cinema, 550 s�o in�ditos no RJ. S�o Paulo foi o estado que mais enviou filmes, 185, seguido do RJ, com 180 e MG com 73. Foram selecionados 126 filmes, outros 27 foram convidados. At� o in�cio do evento outros filmes poder�o ser convidados.�

Nesta edi��o o evento vai promover, al�m de centenas de sess�es, diversas atividades, como debates, cursos e oficinas de cinema. Todo o evento � gratuito. O cineasta Sylvio Lanna ser� o destaque desta edi��o, com sess�es e debates nas tr�s cidades, e o jornalista Geneton Moraes Neto tamb�m ter� sua filmografia autoral em Super8 lembrada e debatida nas tr�s capitais.

Sess�es como a MOSTRINHA LIVRE, com filmes feitos por crian�as e para as crian�as, CAMINHOS, com filmes de escola e BIOGRAFEMAS, com filmes sobre outros artistas far�o parte da mostra, assim como os PANORAMAS LIVRES e os LONGAS LIVRES, estas �ltimas, competitivas.

Confira abaixo os filmes que estar�o nos CCBBs SP, DF e RJ a partir de 27 de mar�o. Nem todos os filmes ser�o exibidos nas 3 cidades. Tamb�m faremos sess�es no Cine Arte UFF, em Niter�i, de 24 a 29 de maio.�


Sessões Competitivas


Inédito no RJ

Panoramas Livres

A curadoria selecionou 21 curtas e médias na sessão competitiva Panoramas Livres. Como nosso principal programa, a sessão apresenta tendências e possibilidades estéticas, econômicas e políticas para a produção audiovisual brasileira. Competitiva na MFL São Paulo, com júri do site Cine Festivais - http://cinefestivais.com.br/

Título Duração UF Direção
A PALAVRA DE DEUS     21' MG Katrina
ALMA BANDIDA 15' MG Marco Antônio Pereira
AM�BILE     12' RS Boca Migotto
ANTES DO LEMBRAR 21' RS Luciana Mazeto e Vin�cius Lopes
BEM NO MEIO DO C�U 13' RJ Isabella Raposo e Thiago Brito
CALMA 30' RJ Rafael Sim�es
ENTRE PARENTES     27' DF Tiago de Arag�o
EU CORTO SUA L�NGUA     3' 0 Alice Dalgalarrondo
FALE COM ESTRANHOS     45' PR Pedro Monte Kling
LIBERDADE 24' SP Pedro Nishi e Vinícius Silva
MEM�RIAS DO SUBSOLO OU O HOMEM QUE CAVOU AT� ENCONTRAR UMA REDOMA 11' CE Felipe Camilo Mesquita Kardozo
MIRAGEM     30' SP Flora Dias
MONDO LXXV 7' GO Rei Souza
N�S MONTANHA     19' RS Gabriel Motta
NUM PAÃS ESTRANGEIRO 25' RJ karen akerman, miguel seabra lopes
POLIS     8' RJ Rafael Baptista da Costa Magalh�es
PRINCESA MORTA DO JACU� 17' RS Marcela Ilha Bordin
THINYA     16' PE Lia Letícia
UM FILME PARA EHUANA 27' RJ Louise Botkay
VAZIOS HABITADOS     21' SC Duo Strangloscope

Longas Livres

A curadoria selecionou cinco longas, inéditos ou com circulação bastante restrita, para melhor aprofundar a discussão sobre as possibilidades do "filme livre" no cinema brasileiro. São filmes destacados pelo seu caráter de exceção e o debate que podem gerar. Competitiva na MFL Rio de Janeiro, com júri da Revista Beira, https://medium.com/revista-beira

Título Duração UF Direção
ELES VIERAM DE OUTRO ESPA�O     82' RS Leonardo Michelon
F�LEGO     85' SP Renato Sircilli
N�O SEI QUAL CIDADE SE PASSA AOS OLHOS DELE     74' MG Jo�o Mendon�a e Tha�s In�cio
OS SON�MBULOS 110' MG Tiago Mata Machado
TREMOR I�     89' CE Elena Meirelles e L�via de Paiva

Territórios

Sessão com filmes que levantam questões específicas, partindo da comum busca por um tempo inerente aos espaços e situações filmadas. Obras que tambem refletem sobre o uso da terra, urbanidades e migrações. Competitiva na MFL Brasília

Título Duração UF Direção
A VIAGEM DE �CARO 19' GO Kaco Olimpio e Larissa Fernandes
ARIA ARIMUNU�U IATA� REHE (CUIDANDO DA SA�DE DO ITA�)     22' MA Paky Aw� Guaj� e Paranan Aw� Guaj�
ARQUITETURA DOS QUE HABITAM     5' ES Daiana Rocha
BAIXO CENTRO 80' MG Ewerton Belico e Samuel Marotta
BIMI SHU YKAYA     52' AC Yube Huni Kuin; Isaka Huni Kuin; Gilson Huni Kuin
BLOQUEIO 76' PE Vict�ria Alvares, Quentin Delaroche
CONTE ISSO ÃQUELES QUE DIZEM QUE FOMOS DERROTADOS 23' MG Aiano Bemfica; Camila Bastos; Cristiano Araújo; Pedro Maia de Brito
EL�! 20' RJ Lucio Branco
EMPATE     90' AC S�rgio de Carvalho
ENTREMARÃS 20' PE Anna Andrade
GALINHAS NO PORTO     20' PE Caioz e Luís Henrique Leal
LA MANUELA     87' RJ Clara Linhart
PARQUE OESTE 70' GO Fabiana Assis
QUANDO ELAS CANTAM     28' SP Maria Fanchin


Sessões não Competitivas

Autorias

Recorte cujos realizadores possuem trajetória marcada pela inventividade e inquietação com as possibilidades da linguagem cinematográfica, muitos deles tendo sido premiados ou homenageados por MFLs passadas.

Título Duração UF Direção
A CHINESA DE RIAD 15' MG Leonardo Amaral & Roberto Cotta
A PRAGA DO CINEMA BRASILEIRO     27' DF William Alves
A VOLTA DOS QUE NÃO FORAM, ARABESCOS CAMELÃIDES     24' PE Regi Galvão
AMANH�     17' SP Giuliano Gerbasi e Wally Ara�jo
ESPERA     76' MG Cao Guimar�es
IMPÃVIDO COLOSSO     15' SE Fábio Rogério e Marcelo Ikeda
MAGALH�ES 23' SP Lucas Lazarini
PEIXE     17' MG Yasmin Guimar�es
PLANO CONTROLE 16' MG Juliana Antunes
SUBCUT�NEO 19' MG Carlos Segundo
TIPOIA     16' AL Paulo Silver

Biografemas

Recorte criado para contemplar filmes sobre inventores peculiares. O programa se debruça sobre a potência explosiva dos artistas retratados, por vezes de forma naturalista, onde a grande força de cada filme reside não apenas em sua inventividade mas sobretudo na forma como dão a ver suas personagens.

Título Duração UF Direção
CALYPSO 61' RJ Rodrigo Lima e Lucas Parente
DAREL E RASK�LNIKOV     14' RJ Allan Ribeiro
HILDA HILST PEDE CONTATO 73' SP Gabriela Greeb
INAUDITO     88' SP Gregório Gananian
MADRIGAL PARA UM POETA VIVO     75' SP Adriana Barbosa e Bruno Mello Castanho
MEU NOME � DANIEL 83' RJ Daniel Gon�alves
O CHAL� � UMA ILHA BATIDA DE VENTO E CHUVA 94' RJ Let�cia Sim�es
ONDE ESTARÃ JOÃO VINAGRE?     18' MG Mariana Costa
XARÃ     82' BA Matheus Vianna

Cabines Livres

Exibição em loop de filmes que dialogam com o espaço híbrido entre a videoarte, o cinema experimental e o audiovisual.

Título Duração UF Direção
AFETO     15' RJ Gabriela Gaia Meirelles e Tain� Medina
B.U.N.I.T.A.S. [CE]     20' SP Estela Lapponi
BICHA-BOMBA     8' PR Renan de Cillo
CONTINENTE     3' RJ Diana Sandes e Gabi Carrera
COURAGE: AZUL (NAIPE DE PAUS)     4' RJ In�s Nin
E.LÃ     3' RJ Maria Lutterbach
ENTRE ASPAS     4' RJ Heraldo HB
ERA     8' MG Julia Baumfeld
ESTA��O     12' SP Selene Alge
EU CORTO SUA L�NGUA     3' 0 Alice Dalgalarrondo
EU NUNCA HAVIA CHORADO EM UM SONHO 3' RS Dirnei Prates
FUGA     8' SP Camilla Loreta
GEDE VIZYON 15' 0 Jefferson Kielwagen (Brasil), Marcos Serafim (Brasil), Steevens Simeon (Haiti)
GRAVIDADE     1' SP Cris F Santana
JUREMA     4' RJ Manu Sobral
N�UFRAGA     5' BA Juh Almeida
NO SOZINHO DO VAGO     3' RS Dirnei Prates
NO VENTRE, UM SANTO TATUADO 12' SP Naum Alves de Sousa e Piqueras Santangelo
QUANDO O CAMINHO DO PEIXE � UMA ESCOLHA 4' SP Yudji Oliveira
QUANTO CRAUDE NO MEU SOVACO     4' PE Duda Menezes e Fefa Lins
S�LO UN POCO AQU�     5' OO Duo Strangloscope
VIA     7' RJ Thiago Sacramento

Caminhos

Cineastas surgem a cada dia em escolas livres de cinema, cursos universitários regulares ou oficinas. A sessão Caminhos gravita em torno de filmes realizados no âmbito de atividades de formação.

Título Duração UF Direção
ANTES DE ONTEM     6' SP Caio Franco
CARTUCHOS DE SUPER NINTENDO EM AN�IS DE SATURNO     19' CE Leon Reis
CRAVO, LÃRIO E ROSA 20' RJ Maju de Paiva
VIGIA 22' RJ Jo�o Victor Borges

Coisas Nossas

Sessão com filmes feitos pelos curadores e produtores da MFL, chance do público ver filmes de quem faz a MFL acontecer.

Título Duração UF Direção
� CURA DO RIO     18' MG Mariana Fagundes
KINOCOPA 2 - A ÃLTIMA COPA 22' RJ Chico Serra e Igor Cabral
RASTRO SHIZEN     10' RJ Anais-karenin e Gabraz
REACTION 8' SP Christian Caselli
SEMELHANTE     13' RJ Armando Lima

Curta Brasília

Filmes livres realizados na capital do Brasil.

Título Duração UF Direção
AULAS QUE MATEI     23' DF Amanda Devulsky e Pedro B. Garcia
ENTRE PARENTES     27' DF Tiago de Arag�o
O MISTÃRIO DA CARNE     18' DF Rafaela Camelo

Curta Rio

Filmes livres feitos no estado do Rio de Janeiro.

Título Duração UF Direção
6 POR 20 10' RJ Daniel tumati, Marina Gerasso, Vitor Rodrigues, Luna G�mez, Maria Fernanda
CAMEL�S 19' RJ Milena Manfredini
CASCUDOS 18' RJ Igor Barradas
EU, MINHA M�E E WALLACE 22' RJ Irm�os Carvalho
FILME LIXO     6' RJ LG
NADA ALÃM DA NOITE     20' RJ Rodrigo de Janeiro
O BARRACO     20' RJ Tiago A. Neves
OS VERDADEIROS LUGARES NÃO ESTÃO NO MAPA     7' RJ João Araió
PREFIRO N�O SER IDENTIFICADA 20' RJ Juliana Muniz
TOKIO MAO - O ULTIMO KAMIKAZE     70' RJ Marina Pessanha
UM TRAÃO TEU 16' RJ Dani Nigri
UMA HISTÃRIA DAS CORES 14' RJ Victor Hugo Fiuza

Curta Sampa

Filmes livres feitos no estado de São Paulo.

Título Duração UF Direção
DECLARA��O DE NASCIDO VIVO     17' SP Eduardo Consonni e Rodrigo T. Marques
KAIRO 15' SP F�bio Rodrigo
MESMO COM TANTA AGONIA     19' SP Alice Andrade Drummond
NEBLINA     15' SP Tha�s Orchi Abdala
SOBRADO     22' SP Renato Sircilli

Destaque Sylvio Lanna

Mineiro de Ponte Nova, Sylvio Lanna entrou para a história da cinematografia brasileira e mundial em 1970, quando finalizou seu primeiro e único longa: “Sagrada Família”. Considerado um marco do “Cinema Marginal”, o filme é um radical experimento narrativo e técnico, com uma desconstrução sonora poucas vezes vista em película. Embora tenha vivido um grande hiato cinematográfico desde então, Sylvio quer deixar a fama de artista bissexto e acaba de realizar duas novas produções: o média “? In Memoriam – O Roteiro do Gravador” e o curta “Um Cinema Caligráfico”, sendo que, para nossa grande honra, estrearão em nossa mostra. Outro quitute que será saboreado pelos expectadores é a raridade “Malandro, Termo Civilizado (ou Malandrando)”, média realizado em 1986 com participações de Moreira da Silva, Wilson Grey e Luís Melodia, que é praticamente inédito em tela grande.

Título Duração UF Direção
� IN MEMORIAM - O ROTEIRO DO GRAVADOR     21' RJ Sylvio Lanna
MALANDRO, TERMO CIVILIZADO (OU MALANDRANDO)     24' RJ Sylvio Lanna
SAGRADA FAMÃLIA 85' MG Sylvio Lanna
UM CINEMA CALIGRÃFICO     7' RJ Sylvio Lanna

Especial Bressane

Júlio Bressane, um dos pilares fundamentais de nosso cinema autoral, é convidado especial desta edição da Mostra do Filme Livre. É com imenso prazer que iremos exibir seus dois trabalhos mais recentes: Sedução da Carne e Nietzsche Sils Maria (esse último em parceria com Rosa Dias e Rodrigo Lima). Para além do peso histórico de sua obra, é interessante notar sua capacidade de se reinventar e reinventar o cinema a cada novo filme, sem medo de experimentar novas possibilidades de linguagem e sobretudo sem se prender a fórmulas engessadas recorrentes em autores com obras tão extensas e reconhecidas. Muito longe de se acomodar com o próprio legado ele demonstra coragem pra tornar cada um de seus filmes único, sem perder no entanto a assinatura inconfundível de seu olhar tão singular e criativo para o mundo.

Título Duração UF Direção
NIETZSCHE SILS MARIA ROCHEDO DE SURLEJ     58' RJ Rosa Dias, Julio Bressane, Rodrigo Lima
SEDU��O DA CARNE 70' RJ Julio Bressane

Especial Cavideo

Título Duração UF Direção
REVIVER     60' RJ Cavi Borges e Patricia Niedermeier
SALTO NO VAZIO 71' RJ Cavi Borges e Patricia Niedermeier

Especial Distruktur

Movendo-se através das fronteiras entre arte e cinema, experimental e narrativo, fotografia e imagem em movimento, Melissa Dullius e Gustavo Jahn exploram diferentes níveis da experiência sensorial e intelectual. Desestabilizam as noções do real e do imaginário ao mesmo tempo em que fundem as camadas de passado, presente e futuro. Deslocamento e transposição acontecem aqui como estratégias para produzir transformações, e as narrativas instáveis a que dão vazão sugerem que há muitas outras maneiras de comunicação além das normalmente conhecidas. Mais em http://distruktur.com/about/

Título Duração UF Direção
�TERNAU 21' SC Gustavo Jahn
EL MERAYA 19' SC Distruktur
NO CORA��O DO VIAJANTE 19' OO Melissa Dullius & Gustavo Jahn
TRIANGULUM 22' OO Melissa Dullius & Gustavo Jahn

Especial Geneton Moraes Neto

Jornalista e cineasta pernambucano, Geneton Moraes Neto começa a realizar curtas experimentais por incentivo e influência do crítico Fernando Spencer no início dos anos 70, período que coincide com a popularização do super-8 sonoro, permitindo um cinema com total liberdade e pouquíssimos recursos. A filmografia de Geneton possui mais de uma dezena de curtas, documentários, ensaios e manifestos audiovisuais realizados em paralelo ao seu trabalho jornalístico, como um grito e uma resposta poética aos tempos de temperatura sufocante e ar irrespirável, incrivelmente semelhantes aos dias atuais. A Mostra do Filme Livre vai exibir 9 filmes restaurados pela Cinemateca Pernambucana, realizados por Geneton entre 1973 e 1983 e a programação em sua homenagem tem a curadoria da Coordenadora de Cinema da Fundação Joaquim Nabuco e da Cinemateca Pernambucana Ana Farache e do cineasta e professor da UFPE Paulo Cunha, codiretor dos curtas “Coração do Cinema” e “Esses Onze Aí”, que também serão exibidos na Mostra. As sessões dos curtas serão seguidas de debates e ambos os curadores estarão presentes para conversar com o público nos CCBBs de São Paulo, Brasília e Rio sobre a importante produção de Geneton no campo do audiovisual e sobre o legado de seus filmes. Ana Farache e Paulo Cunha estarão nos 3 CCBBs para apresentarem as sessões e participarem de um debate com mediação de Chico Serra, curador da MFL desde sua primeira edição.

Título Duração UF Direção
A ESPERAN�A � UM ANIMAL N�MADE 9' PE Geneton Moraes Neto
A FLOR DO L�CIO � VADIA 6' PE Geneton Moraes Neto
ESSES ONZE A� � UM FILME PANFLET�RIO A FAVOR DO FUTEBOL 10' PE Geneton Moraes Neto e Paulo Cunha
FABUL�RIO TROPICAL 10' PE Geneton Moraes Neto
FUNERAL PARA A D�CADA DE BRANCAS NUVENS 10' PE Geneton Moraes Neto
ISSO Ã QUE Ã 6' PE Geneton Moraes Neto
LOJAS DOS TRAPOS DO CORA��O 10' PE Geneton Moraes Neto
MUDEZ MUTANTE     7' PE Geneton Moraes Neto
O CORA��O DO CINEMA 10' PE Geneton Moraes Neto e Paulo Cunha
VIVER DE VER O VERDE MAR     28' 0 Ivan Cordeiro

Mini MFL em Niterói

Título Duração UF Direção
A PALAVRA DE DEUS     21' MG Katrina
CALMA 30' RJ Rafael Sim�es
EL�! 20' RJ Lucio Branco
FUNERAL PARA A D�CADA DE BRANCAS NUVENS 10' PE Geneton Moraes Neto
LA MANUELA     87' RJ Clara Linhart
MEM�RIAS DO SUBSOLO OU O HOMEM QUE CAVOU AT� ENCONTRAR UMA REDOMA 11' CE Felipe Camilo Mesquita Kardozo
MEU NOME � DANIEL 83' RJ Daniel Gon�alves
O CHAL� � UMA ILHA BATIDA DE VENTO E CHUVA 94' RJ Let�cia Sim�es
POLIS     8' RJ Rafael Baptista da Costa Magalh�es
PRINCESA MORTA DO JACU� 17' RS Marcela Ilha Bordin
SAGRADA FAMÃLIA 85' MG Sylvio Lanna
SUR     23' RJ Marina Gurgel
THINYA     16' PE Lia Letícia
TOKIO MAO - O ULTIMO KAMIKAZE     70' RJ Marina Pessanha

Mostrinha Livre

Curtas para crianças de todas as idades.

Título Duração UF Direção
DELA     8' BA BERNARD ATTAL
M�DICO DE MONSTRO 11' SP Gustavo Teixeira
MANCHE     7' SP Livia Collino
MEU MELHOR AMIGO     14' MG Laly Cataguases
NO CAMINHO DA ESCOLA 9' ES Alunos do projeto Anima��o
OS SEGREDOS DO RIO GRANDE 6' MG Alunos do projeto anima��o
SOBRE A GENTE 8' ES Alunos do projeto anima��o
UMA HISTÃRIA DAS CORES 14' RJ Victor Hugo Fiuza

Mundo Livre

Filmes que saltaram aos olhos da curadoria pela ousadia e originalidade, aqui agrupados por terem sido feitos por brasileiros fora do Brasil em condições distintas, onde o estranhamento com o espaço filmado interfere diretamente na linguagem.

Título Duração UF Direção
ESCURO HORIZONTE     70' RJ Pedro Tavares
LOS PUNKS DE LA LISA     18' OO Frederico Moreira
SOTAQUE DO OLHAR     74' PE Mykaela Plotkin
SUR     23' RJ Marina Gurgel

Pílulas

Programada com filmes curtos, de até 5 minutos, a sessão apresenta um caleidoscópio de estratégias e possibilidades cinematográficas.

Título Duração UF Direção
CONTINENTE     3' RJ Diana Sandes e Gabi Carrera
COURAGE: AZUL (NAIPE DE PAUS)     4' RJ In�s Nin
E.LÃ     3' RJ Maria Lutterbach
ENTRE ASPAS     4' RJ Heraldo HB
EU CORTO SUA L�NGUA     3' 0 Alice Dalgalarrondo
EU NUNCA HAVIA CHORADO EM UM SONHO 3' RS Dirnei Prates
GRAVIDADE     1' SP Cris F Santana
JUREMA     4' RJ Manu Sobral
N�UFRAGA     5' BA Juh Almeida
NO SOZINHO DO VAGO     3' RS Dirnei Prates
QUANDO O CAMINHO DO PEIXE � UMA ESCOLHA 4' SP Yudji Oliveira
QUANTO CRAUDE NO MEU SOVACO     4' PE Duda Menezes e Fefa Lins
S�LO UN POCO AQU�     5' OO Duo Strangloscope

Questão de Gêneros

Se um brasileiro faz um longa de horror o resultado seria necessariamente “ruim”? Ou ele teria que apostar na fórmula “tão ruim que é bom” pra gerar alguma “graça”? O fato é que a termologia “trash”, além do estrangeirismo e de soar pejorativo, não faz mais sentido. A moda do “quanto pior, melhor”, tão moda nos anos 90, não é o mote de hoje, já que a tecnologia atual permite filmagens de qualidade e efeitos até razoáveis. O desafio agora é construir boas narrativas e, se possível, fazer algo novo.

Título Duração UF Direção
A MATA NEGRA     98' ES Rodrigo Arag�o
AUTOGNOSE     4' SP Bill Szilagyi
BOLHA 15' PE Mateus Alves
CARNE 12' RJ Mariana Jaspe
CARNE INFINITA 14' RJ Isadora Cavalcanti
COLÃNIA     7' RJ Fernanda Ramos
DESTINO 1' SP Mois�s Pantolfi
GLUE TRIP - FANCY     5' PB Daniel Vincent
GRAVIDADE 11' SP Amir Admoni
INSIDE     1' SP Joel Caetano
JAIZ 17' RJ Cleyton Xavier e Sof�cles Borcol�wscziick
LARUS E NIU     9' SP Mariana Piedade
O EVANGELHO SEGUNDO TAUBA E PRIMAL 11' GO M�rcia Deretti & M�rcio J�nio
O HOMEM PORCO     3' PR almir correia
O MALABARISTA 11' GO Iuri Moreno
RIO: 582     7' OO Pedro Dannemann
SCRATCHES 1' SP Joel Caetano
ULTRAVIOLETA     12' PB Dhiones do Congo
VOCÃ, MORTO 19' ES Raphael Araújo
ZÃRNIT 23' PE Marcello Trigo

Sessões de Abertura

Título Duração UF Direção
A PRAGA DO CINEMA BRASILEIRO     27' DF William Alves
AMANH�     17' SP Giuliano Gerbasi e Wally Ara�jo
DAREL E RASK�LNIKOV     14' RJ Allan Ribeiro
FUNERAL PARA A D�CADA DE BRANCAS NUVENS 10' PE Geneton Moraes Neto
POLIS     8' RJ Rafael Baptista da Costa Magalh�es
QUANDO ELAS CANTAM     28' SP Maria Fanchin
SUR     23' RJ Marina Gurgel
TRAVELLING ADIANTE     11' RJ Lucio Branco